Image default
Artigos Diversidade Estratégias

Como formar equipas de alto desempenho?

As pessoas prosperam quando fazem parte da equipa certa. Mesmo um colaborador médio pode realizar o seu melhor trabalho ao trabalhar com equipas de alto desempenho. Portanto, é fundamental para nós entendermos como construir e apoiar essas equipas eficazmente.

Não faltam desafios para uma empresa em crescimento. As equipas pobres são submetidas a muita pressão e acabam por se desmontar ao longo tempo. As boas equipas também lidam com isso, mas adaptam-se, aprendem e prosperam em cenários adversos.

Uma equipa de alto desempenho é definida como um grupo de pessoas com conjuntos de competências, funções e responsabilidades exclusivas que se podem alinhar para atingir um objetivo comum.

Essas equipas consistem em membros que têm um forte sentido de compromisso com os restantes membros, em detrimentos dos seus próprios ganhos. Essas equipas florescem por causa dessa e de outras qualidades que as diferenciam das equipas regulares. Vamos observar alguns dos atributos existentes nas equipas de alto desempenho.

 

Principais características de uma equipa de alto desempenho

Confiança Mútua

Qualquer equipa eficaz requer altos níveis de confiança entre os seus membros para atingir os seus objetivos. Essas equipas geram confiança através do respeito pelas contribuições de todos, valorização dos colegas, boa vontade e um objetivo comum.

Uma equipa que carece de confiança entre si tem muito mais probabilidade de fracassar, mesmo que os membros sejam altamente qualificados. Quando as pessoas sentem que podem confiar umas nas outras, elas desenvolvem um forte sentido de compreensão. Como resultado, os esforços da sua colaboração mostram os resultados pretendidos.

 

Comunicação aberta

O único fator que facilita o excelente desempenho da equipa são as práticas de comunicação.

As equipas de alto desempenho precisam de uma cultura em que todos expressam abertamente as suas ideias, praticando a escuta ativa e criando transparência entre os membros da equipa. Terá tendência para descobrir que todos os membros de uma grande equipa estão sintonizados com os processos de pensamento e ações uns dos outras. Essa familiaridade baseia-se numa comunicação clara, concisa e frequente.

 

Forte sentido de propósito

O sucesso da equipa está relacionado com os seus objetivos. Uma equipa onde os indivíduos têm apenas a sua própria agenda para cumprir dificultará o sucesso da equipa a longo prazo.

Criar, comunicar e manter um conjunto um padrão de metas, é necessário para um desempenho consistente. Desta forma, é entregue um propósito que vai unir os membros da equipa contra obstáculos.

 

Adaptabilidade

Adaptabilidade é a qualidade de se conformar com desafios conforme eles vão surgindo. Exige raciocínio rápido, tomada de decisão e mudança de direção quando necessário. Equipas adaptáveis ​​são ágeis no seu dia a dia de trabalho. Assim, essas equipas de alto desempenho estão habituadas a operar dentro de um ambiente de riscos e incertezas.

 

Diversidade

Uma equipa eficaz terá pessoas de origens variadas que trabalham juntas em ambientes próximos. Se as suas equipas pertencem a um único grupo demográfico, provavelmente ficará a perder outros pontos de vista, ideias e soluções exclusivas. Pelo contrário, se tiver uma equipa heterógena, isso vai ser essencial não só garantir que seja apenas diversa, mas também inclusiva.

 

Forte liderança

Os níveis de hierarquia numa equipa devem ser cuidadosamente controlados. Se uma equipa ficar muito estagnada no nível de posições, funções e responsabilidades, o desempenho invariavelmente irá sofrer. Ressentimento, toxicidade e falta de comunicação tornar-se-ão uma norma diária. No entanto, se não houver hierarquia, isso pode causar problemas de responsabilidade. Portanto, como gestor, é essencial equilibrar os dois lados.

 

5 maneiras eficazes de desenvolver equipas de alto desempenho

Agora que examinámos as características essenciais exibidas pelas equipas de alto desempenho, vamos ver como pode construir uma. Os pontos a seguir serão dicas práticas sobre como ajudar equipas regulares a melhorar o seu desempenho.

 

Nomeação de um líder

Conforme mencionado anteriormente, a gestão de equipas deve vir com um delicado equilíbrio de hierarquia de poder. É vital garantir a responsabilidade, mas não permitir que o papel seja exagerado. Uma excelente maneira de fazer isso é nomear um líder de equipa.

Um líder desempenha muitos papéis. Mediador, gestor de crise, amigo, mentor, etc. Sob a tutela de um líder de equipa competente, até mesmo a maioria das equipas medianas consegue ter um aumento na produtividade.

 

Um bom líder de equipa pode ser considerado o capitão de um navio. Embora as contribuições de todos sejam necessárias para o sucesso geral, o líder é quem vai garantir que as atividades do dia a dia corram sem problemas.

Além disso, os membros da equipa podem hesitar em abordar diretamente o gestor ou supervisor caso surja algum problema. Em tais cenários, o líder preencherá a lacuna entre a gestão e a equipe, garantindo que todos tenham tudo o que precisam.

 

Ferramentas de comunicação de qualidade

Seja uma equipa pequena ou grande, a comunicação deve ser rápida, instantânea e devidamente distribuída. Um plano de comunicação manual provavelmente falharia, considerando que a maioria das equipas é multifuncional e remota.

O ano de 2020 mostrou que uma ferramenta de comunicação útil é uma das características mais importantes de qualquer empresa. Sem ele, as equipas estariam desinformadas, o que resultaria numa eventual perda de negócios. Portanto, os líderes devem avaliar estritamente as necessidades de suas equipas e selecionar ferramentas de comunicação adequadas que ajudem os membros a otimizar o seu fluxo de trabalho.

Várias ferramentas de comunicação concedem funcionalidades diferentes. Certifique-se de levar em consideração as funções e responsabilidades de cada equipa e fazer sua escolha de acordo com isso.

 

Gestão de desempenho

É vital que as metas da equipa sejam definidas, medidas e monitoradas periodicamente. No entanto, tente evitar a microgestão, pois acabará por prejudicar o desempenho da equipa.

A maneira mais útil de monitorar o desempenho da equipa é através de uma combinação de KPIs, OKRs e um sistema adequado de definição de metas. Também é fundamental que cada membro da equipa conheça, entenda e aceite as expectativas que tem.

No entanto, o desenvolvimento de uma equipa será dificultado principalmente se se concentrar apenas nos objetivos da equipa. Cada funcionário tem aspirações individuais e, se isso não for abordado, acumulará sentimentos de negatividade em relação à organização.

Como líder, é essencial ter avaliações individuais ou de desempenho regulares para reconhecer e atender às expectativas de cada indivíduo, da equipa e da organização. Essa comunicação bidirecional promove a transparência e cria confiança.

 

Diversidade e inclusão

Diversidade e inclusão não são apenas palavras-chave corporativas. São uma necessidade organizacional.

Tornou-se imperativo que a sua empresa priorize e transmita a necessidade de uma força de trabalho diversificada. As culturas empresariais orientadas para a diversidade têm maior probabilidade, não apenas de reter funcionários, mas também de atrair talentos. Assim, para atrair os melhores talentos para a sua equipa, aqui estão algumas dicas cruciais para ser um negócio “mais amigo” da diversidade:

  • A contratação baseada na diversidade deve ser o foco principal para garantir que todos tenham oportunidades iguais de entrevista para uma função.
  • Diversidade não é suficiente. Garanta que a sua organização também seja inclusiva.
  • Defina as políticas da empresa que adotem medidas severas contra a discriminação no local de trabalho.
  • O líder e a administração devem defender abertamente uma força de trabalho amigável à diversidade.
  • Garantir que os funcionários recebam formação regular sobre diversidade e inclusão.

 

Atividades de construção

Compreensivelmente, uma equipa não pode ter alto desempenho desde o início. Requer esforço, tempo e paciência. Uma excelente maneira para novos e antigos membros se conhecerem é através de certas atividades de construção de equipas.

Estas atividades são uma maneira fácil, divertida e eficaz de fazer com que todos os membros se relacionem. Estas atividades requerem uma combinação de habilidades de tomada de decisão estratégica, processos de pensamento e comunicação clara para facilitar uma sessão divertida, porém informativa.

Além disso, estas atividades proporcionam uma pausa na rotina diária. Quando os membros da equipa podem rejuvenescer, criar vínculos e se divertir uns com os outros, isso permite que juntos trabalhem mais e melhor.

Related posts

Como a responsabilidade social pode atrair e reter talentos?

admin

Conheça 14 Top Employers Portugal 2020

admin

Como promover uma competição saudável no local de trabalho?

admin

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Leia mais

Privacy & Cookies Policy